II CINE HORROR: O Cinema de Davide Melini

O italiano Davide Melini, nascido em 1979 na cidade de Roma, é um diretor independente que já trabalhou como assistente de direção de Dario Argento em O Retorno da Maldição – A Mãe das Lágrimas, de 2007, além de exercer a mesma função em séries como Roma (2005), Penny Dreadful (2016) e Into the Badlands (2017). Com alguns curtas no currículo - "Amore Estremo" (2006), "La Sceneggiatura" (2006), "The Puzzle" (2008), "The Sweet Hand of the White Rose" (2010), "Lion" (2017). "The Puzzle" e "The sweet hand of the White Rose" esteve presente em festivais de vários países, como EUA, Canadá, Inglaterra, Escócia, Irlanda, Áustria, França, Bélgica, Grécia, Espanha, Itália, Malta, Hungria, Brasil, Argentina, México, Austrália e Japão.

Melini está trabalhando em um novo projeto, que presta homenagem ao Giallo: o curta-metragem Deep Shock.
Previsto para ser lançado ainda neste ano, o filme mistura os nomes de dois grandes diretores italianos: Prelúdio para Matar (Profondo Rosso no original, Deep Red no título em inglês), de Dario Argento, e Schock, de Mario Bava. Deep Shock acompanha Sarah, que não consegue superar completamente as mortes de seu avô e de sua irmã mais velha. O trauma e a insônia a fazem adentrar uma estranha viagem de aparições e assassinatos provocados, aparentemente, por sua mente.
Escrito e dirigido por Melini, Deep Shock traz no elenco Muireann Bird, Francesc Pagès, George Bracebridge, Lorna Larkin, Erica Prior e Luis Fernández de Eribe.

Lion (UK/Espanha/Itália, 2017)
Sinopse:Um chalé isolado em uma floresta durante uma nevasca... Um homem cego pelo álcool... Uma mulher incapaz de se rebelar... E uma criança de 8 anos aflita e triste ... O silencio da noite será quebrada por gritos... O começo de um pesadelo terrível!

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...